Ir para acessibilidade
inicio do conteúdo

Apresentação

Do ponto de vista de sua evolução histórica, o Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade foi criado pela Resolução 603/2008 (CONSEPE). Essa Resolução surgiu como consequência do Convênio firmado entre a Secretaria de Estado da Cultura e a Universidade Federal do Maranhão. Semelhante convênio foi resultado do encontro de demandas entre distintos atores da sociedade (como Conselhos de Cultura, comunidade artística, e instituições representativas dos demais grupos sociais) e diversos setores da comunidade acadêmica, cujo objeto foi a cooperação artística, técnica e científica (Ofício do Gabinete da Reitoria 497 de 1 de Setembro de 2008). Semelhante propósito está em sintonia com o caput do artigo 207 da Constituição Federal, o qual preconiza o princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, visto que, entre as metas iniciais do referido Convênio estavam as seguintes: a formação de recursos humanos e aperfeiçoamento com pesquisas interdisciplinares em Cultura e Sociedade; realização de estudos e divulgação científica de pesquisas que priorizem objetos de estudos locais e regionais; intercâmbio com cidades patrimônio da humanidade. Essa perspectiva nos aproxima do Plano Nacional de Pós-Graduação ao abordar o tema da cultura, pois o referido texto propõe que os estudantes sejam expostos às disciplinas e experiências de ensino em que a cultura seja um elemento central a ser incorporado em suas futuras práticas profissionais, sem deixar de contribuir para a produção de informações robustas a respeito da região, que permitam a ampliação da soberania sobre a Amazônia por meio da inclusão social e geração de renda. Ademais, à luz do documento da área Interdisciplinar, que prega o diálogo com as demais áreas, induzindo e fortalecendo as interconexões no seu interior, o Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (PGCULT) possui como objetivo permitir aos profissionais em ciências humanas, sociais e tecnológicas o aprofundamento na área Interdisciplinar, a partir do desenvolvimento de pesquisas que demonstrem o domínio na utilização de instrumentos teóricos-metodológicos. Cabe ressaltar ainda que o objetivo supramencionado está alinhado com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), sobretudo naquilo que diz respeito à formação de recursos humanos para atender às demandas regionais e qualificação de técnicos e docentes na área Interdisciplinar. Em termos contextuais, o Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade está situado numa região cuja riqueza da diversidade cultural (povos e comunidades tradicionais constitutivos do estado) contrasta com a miséria socioeconômica (IDH \IPEA de 2017 de 0,687), implicando em dois grandes desafios: pensar a realidade em que está inserido e gerar impacto social suficiente para fazer sentir sua contribuição na mudança do quadro sociocultural desta região por meio da formação de recursos humanos. Considerando-se o atual estágio de desenvolvimento da Pós-Graduação na UFMA, a responsabilidade de cumprir tais desafios representa uma grande contribuição para o desenvolvimento científico da universidade, bem como dos agentes que de alguma forma estão relacionados à essa instituição. O Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade constitui, conforme já foi dito, um campo interdisciplinar que articula relações entre as ciências humanas e sociais, abarcando disciplinas direcionadas para as questões das humanidades, com o objetivo de demarcar abordagens referenciadas nas contribuições dos estudos da cultura e da sociedade, cuja vocação e a identidade estão voltadas para priorizar objetos de estudos locais, em sintonia com o percurso formativo dos pesquisadores que integram seu corpo docente. Cabe ainda destacar que o entendimento acerca da interdisciplinaridade, por parte da comunidade acadêmica constitutiva do PGCULT, está em harmonia com o documento da área interdisciplinar da CAPES, o qual estabelece que a interdisciplinaridade consiste na convergência de duas ou mais áreas do conhecimento, não pertencentes à mesma classe, que contribua para o avanço das fronteiras da ciência e tecnologia, possibilitando a transferência de métodos de uma área para outra. Para tanto, a área de concentração em Cultura e Sociedade do PGCULT é composta por duas linhas de pesquisa: a LP1 - Expressões e Processos Socioculturais; e a LP2 - Cultura, Educação e Tecnologia. A LP1 estuda as ações e relações entre indivíduos e comunidades, suas práticas, representações e expressões estéticas, artísticas e simbólicas, conhecimentos culturais e filosóficos, comunicação, etnicidades, sociabilidade, identidades, gêneros e memórias; já a LP2 estuda a cultura e suas conexões com a educação formal, informal e não-formal, considerando os fundamentos pedagógicos, o currículo, o imaginário, o meio ambiente e a diversidade cultural, a cidadania, a sustentabilidade e o patrimômio. Sendo assim, a primeira seleção, para ingresso de 20 futuros alunos, foi realizada no ano de 2009, iniciando, por consequência, suas atividades letivas em 2010. Atualmente, o Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade teve a satisfação e a alegria de ter sido avaliado com nota 4 pela CAPES.

Endereços

  • Endereço físico
    Centro de Ciências Humanas - CCH, Térreo, Bloco 02. Av. dos Portugueses, nº 1966, Cidade Universitária, Bacanga.
  • Site oficial
    http://www.pgcult.ufma.br/
  • Site alternativo
    http://www.pgcult.ufma.br/m.facebook.com/MestradoPGCult
fim do conteúdo